Rui Baleiras: "As cativações são um paradigma que está falido e é ineficiente"

Rui Nuno Baleiras sustenta que em Portugal não existe uma gestão das finanças públicas. "O que temos é um controlo da tesouraria da administração central", afirma o coordenador da UTAO do Parlamento.