Maiores bancos portugueses recusaram apoio à Dielmar  

Sem garantias, os bancos recusaram financiamentos à empresa que, por não ter capital próprio suficiente, também não pôde beneficiar de garantias do Estado, escreve o Público desta quarta-feira.